Como abrir uma pequena empresa: 6 erros mais comuns para evitar

Muitas pessoas têm o sonho de se tornarem empreendedoras, mas nem todas sabem como abrir uma pequena empresa e quais responsabilidades e obrigações estão envolvidas. Trata-se de uma tarefa desafiadora, já que é preciso analisar certos riscos antes de investir no próprio negócio.

Grande parte das companhias fecham antes de completar 2 anos, principalmente pela falta de um planejamento eficiente e pela falta de informação e conhecimentos dos principais erros cometidos que podem comprometer os resultados e, consequentemente, levá-las à falência.

Para evitar que isso ocorra, separamos as 6 principais falhas ocorridas ao abrir uma empresa, e como evitá-las. Acompanhe!

1. Não elaborar um plano de negócios

O plano de negócios é fundamental para nortear os objetivos e metas da empresa e, por esse motivo, é visto como uma ferramenta importante, que deve ser elaborada logo no início da abertura do negócio. Entre outras finalidades, está o auxílio na definição de quais serão os recursos financeiros, materiais e humanos usados na empresa e como ela deverá ser reconhecida pelos clientes em médio a longo prazo.

2. Não entender o funcionamento do ramo

Diversos segmentos estão disponíveis para que você possa abrir o próprio negócio. Isso faz com que muitos empreendedores acabem pesquisando pouco sobre cada um deles antes de tomar uma decisão. Esse é um erro muito sério, já que sem compreender de forma ampla o ramo no qual pretende investir, fica difícil de perceber as chances reais oferecidas por ele.

3. Não estudar os concorrentes

Qual organização deve ser vista como concorrente do seu negócio? O que há de comuns entre vocês? Estão disponibilizando os mesmos produtos e serviços? Observar com atenção cada um desses fatores é uma excelente forma de entrar no mercado mais forte e criar suas estratégias desde o começo de atuação.

4. Não estipular os produtos e serviços oferecidos

Muitos negócios são constituídos com a ideia de disponibilizar vários tipos de serviços e produtos para diversos nichos de pessoa. No entanto, esse não é o recomendável a se fazer. Estipular produtos e serviços, conhecer o público-alvo (quem vai comprar o que a empresa está vendendo, etnia, idade, sexo) e direcionar suas ações para ele, é a melhor forma de se chegar ao sucesso.

5. Não conhecer os fornecedores

Outra falha é não conhecer os possíveis fornecedores do seu negócio. As matérias-primas utilizadas, os equipamentos necessários, ou os produtos comercializados, podem ser obtidos com facilidade ou você passará por algumas dificuldades até finalizar todo o processo? Uma ideia é buscar conhecer bem esses fornecedores e criar um banco de dados para que possam ser contatados para eventuais negociações.

6. Não ter as finanças organizadas

Ao abrir uma pequena empresa é exigido um controle efetivo da parte financeira, com uma previsão orçamentária sempre atualizada. Todos os faturamentos, despesas, investimentos e demais, devem ser registrados para garantir um monitoramento adequado da real situação financeira do negócio.

Agora que você entende como abrir uma pequena empresa de forma segura, é necessário ter em mente que essa é uma tarefa desafiadora, já que além de entender os principais erros que podem prejudicar um negócio, é preciso ter um conhecimento aprofundado sobre a área e, assim, tomar as melhores decisões. Por isso, o ideal é contar com uma empresa de contabilidade especializada no assunto, que vai poder dar todas as orientações necessárias rumo ao crescimento da companhia.

Quer contar com o auxílio de uma equipe contábil qualificada e eficiente? Então, entre em contato com a gente e veja como podemos ajudar!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.